Última hora

Ano Novo Chinês também é celebrado em Vila do Conde e Póvoa do Varzim

5 Fevereiro 2019
Ano Novo Chinês também é celebrado em Vila do Conde e Póvoa do Varzim
Cultura
0

O Ano Novo Chinês, ou Festa da Primavera, é a data mais importante para todos os chineses e ganha cada vez mais relevância “à medida que a influência da China se espalha pelo mundo e o intercâmbio cultural aumenta”, salienta a Embaixada da China em Portugal.
A festa já se tornou “uma marca cultural chinesa em território português”, onde as celebrações são uma das “mais elaboradas da Europa”, acrescenta a missão diplomática, adiantando que desde 2014 já se realizaram cinco grandes eventos em Portugal.
“É uma oportunidade para mostrar à população portuguesa os costumes de um povo que adotou Portugal como sua casa”, destacou a embaixada, salientando também que é uma ocasião para imigrantes chineses e comunidades estrangeiras “estreitarem os laços”.
A deslocação da Companhia Nacional de Ópera de Pequim a Portugal é um dos momentos altos das celebrações, que acontecem no mesmo ano em que se assinala o 40.º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre Portugal e China.
A companhia apresenta o espetáculo “As guerreiras da família Yang” nos dias 8 de fevereiro no Teatro São Carlos, em Lisboa e no dia 11 no Centro de Congressos Arade, em Lagoa, no Algarve.
No dia 12 de fevereiro, Vila do Conde acolhe um espetáculo da companhia estudantil de Macau.
No dia 1 de fevereiro, vai realizar-se o jantar anual da comunidade, organizado pela Liga do Chineses em Portugal e patrocinado pela Fundação Jorge Álvares, com lugar no Casino da Póvoa do Varzim.
Em 2018, as celebrações do Ano Novo Chinês no mundo, conhecidas como Feliz Ano Novo Chinês realizaram-se em mais de 140 países e 500 cidades.
De acordo com o relatório de Imigração, Fronteiras e Asilo de 2017 do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, os chineses já eram a quinta comunidade estrangeira residente em Portugal mais representativa com 23.197 pessoas, mais 3,1% do que em 2016, correspondentes a 5,5% do total de imigrantes.
Os chineses são os principais beneficiários do regime especial de autorização de residência para atividade de investimento, mais conhecido como Vistos Gold, com 4.013 vistos atribuídos desde o início do programa, em outubro de 2012, até novembro de 2018.